meSA COM NOTEBBOK, FONE DE OUVIDO E LIVROS

O futuro do marketing: Quais habilidades não podem faltar no seu currículo?

Em plena era digital, o marketing vem passando por uma revolução. Descubra como se atualizar e chamar a atenção de empresas inovadoras

Views: 1854

Kaique PaesWritten by:

Você já deve ter ouvido por aí o verbo “zapear”. De acordo com os dicionários, quer dizer “mudar rápida e repetidamente de canais na televisão ou no rádio” quando o conteúdo não nos interessa. E como você deve saber bem, os comerciais de TV e spots de rádio costumam ser os maiores motivos pelos quais “zapeamos”. Basta começar o intervalo daquele filme incrível ou da novela que começamos a saltar de canal em canal.

Mas a verdade é que temos zapeado cada vez menos. Estamos num caminho sem volta rumo ao ambiente digital, descobrindo as maravilhas do universo de conteúdos sob demanda. Agora, é cada um com seu dispositivo — seja ele a TV, o smartphone ou o computador –, assistindo ao que quiser, quando e onde desejar.

Ou seja, se no auge das mídias de massa o marketing “tradicional” já sofria para atrair e segurar a atenção das pessoas, agora a coisa complicou de vez.

Enquanto alguns choram…

Para um profissional de marketing à moda antiga, o cenário pode ser bem desanimador. Por outro lado, quem está disposto a se atualizar tem vários motivos para ver o copo meio cheio. Porque entramos pra valer na era do marketing digital, e isso traz uma série de novas oportunidades que antes não existiam. Existe uma máxima de Nizan Guanaes que descreve bem esse cenário: “Enquanto eles choram, eu vendo lenços.”

Mas os clientes não querem saber de choro. Suas expectativas estão evoluindo no mesmo compasso das tecnologias, e as empresas estão tendo que se adaptar. Surgem novas modalidades, como Marketing de Conteúdo, Inbound Marketing e Growth Hacking, e novas habilidades ocupam o lugar das tradicionais. Ou seja, para quem trabalha com marketing, não tem jeito: ou se renova, ou ficar para trás.

Os catalisadores da mudança

Colocando de forma mais prática, existem três pontos principais que caracterizam o momento atual do marketing — e o que virá por aí:

Tudo é digital. Você tem uma dúvida qualquer? Pergunte ao Google. Você quer checar um possível fornecedor? Procure por ele no LinkedIn. O mundo é cada vez mais digital, e isso não tem volta.

Os nativos digitais vão assumir comando. De acordo com este artigo do portal Hinge Marketing, em menos de cinco anos, os millennials — que já nasceram com dispositivos mobile nas mãos — vão representar 75% da força de trabalho. E, claro, serão uma fatia cada vez maior do público consumidor.

Os clientes estão cada vez mais exigentes. Os tempos atuais são, também, da transparência dos dados. Não dá mais para fingir: graças às ferramentas disponíveis, os prospects vão investigar tudo antes de tomar uma decisão: a reputação e a credibilidade da empresa, a opinião de outros clientes. Além disso, vão buscar o “parceiro perfeito”, que possa atender a necessidades específicas com a maior precisão possível. Ou seja, é tempo de personalização, de especificação.

Como responder a tudo isso? Que habilidades você precisa desenvolver para entrar de cabeça na era digital e virar uma peça fundamental para as empresas?

mulher com celular na mão em frente a um notebook na mesa

Saber adaptar a linguagem para diferentes canais

Sabe o conceito de omnichannel? Ou seja, a capacidade de uma empresa estar disponível em qualquer momento e em qualquer lugar, para a conveniência do consumidor? Pois então: é fundamental você conhecer os canais disponíveis e entender como cada um ajuda a atingir objetivos de marketing.

Para os consumidores, já não basta só um simples e-mail marketing. Eles querem interagir, querem um atendimento específico em cada plataforma; em resumo, querem uma experiência diferente. E, para isso, você precisa pensar em abordagens adequadas para cada canal, de modo que as pessoas possam “mergulhar” na sua marca.

Entender (um pouco) de programação

Calma, você não precisa se transformar em um ninja dos códigos e das linguagens. Mas conhecer um pouquinho de HTML ajuda, e muito, já que você mesmo(a) poderia identificar e editar possíveis bugs em peças de e-mail, por exemplo. Ou, ainda, instalar um pixel tag do Facebook para acompanhar melhor o caminho das conversões.

Além disso, manjar um pouco do lado técnico vai te ajudar a se comunicar com as equipes de TI — o que é música aos ouvidos de qualquer líder, uma vez que, quanto mais alinhadas estiverem as áreas de tecnologia e marketing, melhor para a estratégia da empresa.

Focar em resultados

Foi-se o tempo em que uma bela e criativa campanha publicitária bastava para construir a reputação de um profissional de marketing. A qualidade continua importando, claro, mas os objetivos têm que estar claros, e os resultados, no centro de tudo.

E sem indicadores, não há resultados. Por isso, hoje, é preciso que você conheça e monitore as principais métricas de marketing digital: as de atração, as de conversão e as de receita. Sem esse cuidado, é muito fácil perder o foco e acabar realizando ações que não geram resultados relevantes.

mesa de reunião com quatro pessoas sentadas analisando um gráfico

Focar em crescimento

Aqui chegamos a uma das vertentes mais valorizadas do marketing atual: o Growth Hacking, ou Hacking de Crescimento. Com a prática, é possível fazer experimentos que otimizam resultados e impulsionam o crescimento da empresa.

Colocando de forma mais prática, é literalmente “ajudar” no crescimento — trazendo novos clientes, aumentando o valor pago por clientes recorrentes, reduzir o churn em todas as fases do funil, etc. O profissional de marketing bem preparado tem em mente que suas ações devem contribuir para a empresa crescer.

Lembrar que o cliente está no centro de tudo

Por último, e mais importante: o consumidor deve estar no centro de tudo. Conhecer suas necessidades, desejos e sonhos é determinante para o marketing atual. Porque é a partir desse entendimento que será possível entregar valor real para ele, por meio de uma experiência que o marque.

 


 

É, estamos mesmo em uma nova era. E se você quiser saber mais sobre como se adaptar a ela, conheça o nosso Bootcamp Intensivo em Digital Marketing & Growth. Com 64 horas de conteúdo, desenvolvimento de projetos, mentorias com experts de empresas como Resultados Digitais e Google e conversas com alguns dos melhores líderes de Growth Marketing do Brasil, o curso intensivo irá desenvolver suas habilidades como estrategista em Marketing Digital & Growth, para liderar as transformações digitais e acelerar sua carreira.

O futuro do marketing: Quais habilidades não podem faltar no seu currículo?

by Kaique Paes tempo de leitura: 4 min
0