rawpixel-252130-unsplash

Você sabe o que é Growth Marketing?

Descubra o Mindset capaz de criar o crescimento exponencial que toda empresa sonha

Views: 1690

Written by:

O marketing está em constante mudança, transformação e evolução. Se antes os banners em portais de notícias diárias eram os mais cobiçados pelas empresas, desde que aplicativos e gadgets foram para a palma da mão o foco da publicidade ficou nas mídias sociais – e tanto elas, quanto os diversos aplicativos e programas que usamos para pedir comida ou criar uma playlist, sabem um monte sobre nós.

Entender os interesses do público-alvo e suprir as lacunas de suas necessidades de consumo, não é tarefa fácil: o comportamento das pessoas, exatamente por estar exposto diariamente de novos produtos, é mutável e exige fidelização e engajamento.

carlos-muza-84523-unsplash

Ainda que desenvolver mecanismos de otimização de vendas, inserção no mercado, e equivalência na competitividade sejam pauta pelo menos desde a Revolução Industrial, a era digital exige a compreensão mais individual e em alta velocidade das condutas, às vezes subjetivas, antes, durante e depois do momento em que se fecha o carrinho de compras ou bate o martelo no lançamento de um novo artigo.

A vantagem, justamente, é que o mesmo desbravamento tecnológico que mudou hábitos de consumo e de troca de informação no cenário contemporâneo nos dá ferramentas para poder filtrar, classificar e trabalhar sobre o gosto dos consumidores e desenvolver esses produtos que melhor atendam essas “buyer-persona” – um sujeito com poder de compra analisado não mais em massa, mas individualmente.

O responsável por otimizar as atividades do marketing para criar um crescimento exponencial é o “growth marketer”, termo cunhado em 2010 por Sean Ellis, norte-americano ex-head de marketing do Dropbox.

O que eu preciso carregar na mala?

growth

A carreira está em plena ascensão e com salário médio de R$ 5.548,00, segundo o LoveMondays. Para lidar com a experimentação embasada em análise de dados e testes e dar atenção à voz do cliente, o profissional precisa:

Ser criativo na comunicação
Ainda que as informações precisem ser diretas ao ponto, contar sua história em poucos caracteres exige bastante criatividade. Você precisa saber contar uma história, ter um título chamativo e palavras chaves interessantes.

Saber lidar com tecnologia e automação
Saber automatizar processos de marketing pode ser fundamental, uma boa régua de e-mails pode resolver muito dos seus problemas. Mas, se você souber o básico para apontar a alguém mais especializado se for o caso, já ajuda. Principalmente quando o foco forem as mudanças necessárias em um site ou aplicativo, por exemplo.

Ter conhecimentos de psicologia comportamental
Não adianta só saber analisar números. As características mais sensíveis do consumidor podem às vezes não cruzar a tela, e aí entra a importância de um café, do olho no olho, e da empatia de se colocar no lugar do outro.

Entender de interpretação estatística
Compreender a métrica do canal que está sendo usado é fundamental, saber escolher métricas que te ajudem a crescer e que não sejam de vaidade é mais ainda. Mais do que apenas colher, é necessário olhar para os números, interpretá-los e saber tomar decisões e escolher caminhos através do que eles falam para você.

E, esteja inteirado sobre tudo o que acontece na empresa em que atua e, em posse dessas informações, proponha ideias e soluções criativas.

daniele-riggi-635135-unsplash

A experimentação rápida é a chave do sucesso, como tudo na vida. Toda e qualquer pequena ação ou mudança de pensamento que falhe consegue gerar algum aprendizado – e a percepção e boa aplicação dessa evidência, quem sabe, se torna a chave necessária para definir o futuro do seu negócio.

Para que isso seja possível, o dia a dia do profissional envolve muita pesquisa e muito estudo de caso, muitas vezes seguidos por um brainstorming em equipe em busca das ideias práticas – outra fonte importante que não deixa pontas soltas.

Foque no que mais precisa de atenção, escolha um ponto de ataque e não tente abraçar o mundo com as próprias mãos.

edho-pratama-152392-unsplash

Apesar de esse tipo de atenção ao consumidor ter tido origem na velocidade requerida por startups e em sua maior flexibilidade em assumir riscos, hoje as possibilidades de mercado se estendem para um rol muito mais amplo que abarca basicamente qualquer empresa consciente da importância de ir além da superficialidade no conhecimento de seu público, seja ela uma gerenciadora de coworkings ou um selo tradicional da área dos planos de saúde.

Se para quem está despontando no mercado esse tipo de conhecimento ajuda a gerar uma boa e cativante primeira impressão aos clientes e consumidores, em empresas já estabelecidas o Growth Marketing pode ajudar a identificar um funil pelo qual seguir, fluir e se jogar em direção ao crescimento.

Agora é a hora

Tudo isso é muito novo no mercado e criar uma cultura de Growth é um desafio e tanto. Seja você parte da mudança positiva, conheça o Bootcamp em Digital Marketing & Growth da Tera, onde você poderá aprender mais sobre comunicação, psicologia comportamental, tecnologia, análise de dados e cultura de experimentos com experts do mercado enquanto trabalha em projetos reais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você sabe o que é Growth Marketing?

by Leandro Herrera tempo de leitura: 4 min
0